ERGONOMIA PARTICIPATIVA: ESTUDO EM UMA EMPRESA DO SETOR DE EDUCAÇÃO

Autores

  • Bianca Souza Jordão Pontifícia Católica Universidade do Paraná
  • Rosimeire Sedrez Bitencourt Pontifícia Católica Universidade do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.17648/rea.v14i1-1

Palavras-chave:

ergonomia; ergonomia participativa; demandas ergonômicas; setor de educação.

Resumo

Este artigo propõe um levantamento de Demandas Ergonômicas em uma empresa do setor de educação utilizando como base a Ergonomia Participativa. Para a realização desta pesquisa utilizou-se de entrevistas individuais não induzidas para a coleta das Demandas Ergonômicas da empresa. A partir das entrevistas houve a classificação em demandas e sugestões. Por fim, houve o cruzamento das demandas negativas com as sugestões em que se identificou a vontade dos participantes em contribuir com as ações de melhoria na empresa, ocasionando na solução proposta que mais atende as suas demandas. Com esta pesquisa foi possível perceber a importância da Ergonomia Participativa orientada a proposição de soluções de melhoria em uma empresa do setor de educação.

Publicado

2020-08-05